Destaques — 07 setembro 2012
A doença cárie

A cárie precoce na  infância  também pode ser chamada de cárie da mamadeira.

Ela ocorre pela destruição do dente pelo contato de líquidos açucarados fermentáveis oferecidos na mamadeira, bem como pelo aleitamento materno, oferecidos de maneira  prolongada ao longo do dia e da noite.

A oferta de leite de vaca ou fórmula infantil acrescida de achocolatado, açúcar, mel e engrossantes define uma dieta carogênica para os lactentes, caso seja ofertada durante o dia e a noite de maneira contínua, sem a devida higiene bucal. Devemos lembrar que o leite humano também possui açúcar e sua oferta deve respeitar frequëncia e higienização bucal.  Muitas vezes o bebê ainda recebe líquidos açucarados como chás e sucos nos intervalos de refeição várias vezes durante o dia e mesmo durante a noite.

A permanência por tempo prolongado de líquidos fermentáveis na boca da criança somada à falta de higiene bucal adequada e presença de microorganismos facilita o desenvolvimento da cárie de mamadeira.

Sendo assim, sugere-se que  não seja oferecida sacarose (açúcar branco) e produtos industrializados como achocolatados no primeiro ano de vida, bem como os engrossantes, que só devem ser acrescidos sob orientação de médico e nutricionista e  devem ser ofertados de colher e não na forma de mingau na mamadeira.

A dieta nessa fase deve evoluir de líquida para fibrosa, com transição da textura e dos utensílios, para o bom crescimento físico, desenvolvimento das estruturas faciais e prevenção da doença cárie.

 * Vera Dishchekenian
 

“As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de Odontopediatria, Ortopedia Funcional dos Maxilares, Ortodontia, Fonoaudiologia, Nutrição, Psicologia, Pediatria  e outros especialistas”

Artigos Relacionados

Share

About Author

Marta Meireles

Pequena descrição falando de cada membro (médico ou colaborador) do site.

(0) RComentários dos Leitores

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>