Destaques — 05 julho 2012
Amamentação: proteção e saúde

Durante os noves meses de gestação, a mulher desenvolve milhões de células para dar forma e saúde ao bebê que está para chegar. Após o nascimento, sua contribuição para o crescimento saudável do pequeno está no aleitamento.

Para mostrar a importância da amamentação e incentivá-la, a World Alliance for Breastfeeding Action (Waba) promove a Semana Mundial de Comemoração do Aleitamento, na primeira semana de agosto, com ações em prol desse ato. 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a Sociedade de Pediatria e a Academia Americana de Pediatria, é recomendado amamentação exclusiva nos primeiros 6 meses de vida.

“O leite materno é o melhor alimento para o bebê, pois atende às necessidades nutricionais, físicas e psíquicas”, diz a Enfermeira Maria Fernanda Dornaus, Coordenadora da Unidade Neonatal do Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE). “Também protege contra infecções, alergias, diarreias e pneumonias, devido à transferência de fatores imunológicos da mãe para o filho.” 

A sucção, por sua vez, estimula o desenvolvimento da cavidade oral e dos músculos da face do bebê, auxiliando a prevenir problemas ortodônticos.

O leite materno é o melhor alimento para o bebê, pois atende às necessidades nutricionais, físicas e psíquicas

A amamentação contribui ainda para a saúde da mulher. Enquanto amamenta, seu organismo libera a ocitocina, hormônio que ajuda o útero a se contrair e reduz o risco de hemorragia e de anemia pós-parto, entre outros benefícios.

*www.einstein.br

Artigos Relacionados

Share

About Author

Marta Meireles

Pequena descrição falando de cada membro (médico ou colaborador) do site.

(0) RComentários dos Leitores

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *